Newsletters

Já foram publicadas as novas tabelas de retenção de IRS

Foram publicadas esta quarta-feira as novas tabelas de retenção de IRS.O valor de rendimentos isentos de retenção sobe para 632 euros brutos por mês.

As tabelas de retenção de IRS para trabalhadores dependentes e pensionistas foram publicadas esta quarta-feira, em Diário da República. Salta à vista a subida do limite máximo para retenção da fonte, que passa de 615 para 632 euros euros brutos por mês, no caso de trabalhadores solteiros ou casados com dois titulares.

Outra nota a salientar nas tabelas de retenção de IRS para 2018 é que não há alterações para os salários superiores a 3523 euros, aplicando-se as mesmas taxas de retenção, para casados, um ou dois titulares, e não casados. Nos vencimentos abaixo deste valor há uma descida em quase todos os escalões, comparativamente com as retenções que constavam das tabelas de 2017.

No caso de trabalhadores casados com um titular de rendimentos, o valor de isenção de IRS mantém-se nos mesmos 641 euros de 2017, enquanto no caso de um titular deficiente se mantém nos mesmos 1645 euros, relativamente ao ano passado.

No caso dos pensionistas, estão isentos de retenção os rendimentos até 632 euros, seja qual fora situação conjugal e o número de titulares, contra os 615 de 2017. O limite para sobe para os 690 euros, no caso de casados com um titular pensionista, como acontecia no ano anterior.

No caso de pensionistas deficientes não há alterações.

 

Fonte: JN